22 de outubro de 2016

Pets


Olá people, tudo no dendê? Hoje é dia de resenha! Daí eu pensei... Por que não falar de algo mais infantil? Afinal, não devo ser a única a amar animações, não é? Então, diante disso, escolhi:


Sinopse:

Max, um pequeno cachorrinho da cidade de Manhattan, vivia feliz com sua dona Katie. Tudo ia maravilhosamente bem até que Duke, um grande cachorro de rua foi adotado e agora eles tem que morar juntos. Assim, depois de vários problemas de adaptação, os dois cães se perdem e tem que achar o caminho de casa o mais rápido possível, enquanto seus amigos animais reviram a cidade para acha-los.







      Achei que seria uma boa ideia trazer algum filme recente para resenhar, e como eu estava nessa vibe infantil, Pets surgiu à mente. Bem, o assisti há pouco tempo e, no geral, é um filme divertido. Ainda está longe de ser um filme incrível, mas é engraçado e fofinho. Ou seja, no fim das contas, é algo realmente bobinho, mas legal.
    O mais interessante (e irado, devo dizer) são as personalidades únicas de cada animal! Cada cachorro com seu jeito de ser, assim como cada gato, coelho, pássaro... Isso é ótimo, pois cada um pode ver um pouquinho de si mesmo nos bichinhos (eu mesmo sou parecida com a gata Chloe :P)!
     No ponto de vista da criança, esse é um ótimo filme. Traz uma linda mensagem de união e tolerância, além de provocar umas risadas infantis (eu estava numa sala cheia de crianças, então sei do que estou falando). Além disso, esse é um filme bem colorido e dinâmico, o que anima as crianças e evita que sonolentos cinematográficos tirem qualquer cochilo.
     Assim, termino a resenha com a classificação de estrelinhas (de 1 a 5), uma frase do filme, uma música da trilha que me fisgou e o trailer (pra que você dê aquela olhadinha marota). 


Classificação: 

Frase:

"Nós vamos achar o caminho pra casa. Somos descendentes dos poderosos lobos."


Música: 




Trailer:






Obrigada pela atenção e um beijo enorme com gostinho de acarajé!







Nenhum comentário:

Postar um comentário